Transparência comunicacional e a importância de um time

Todos nós já passamos por momentos difíceis em nossas vidas. Seja na infância, adolescência ou até nos dias atuais, diariamente nos deparamos com problemas que nos afetam e que precisam de uma solução rápida, para que o impacto em nossas vidas seja menor. Segundo diversos times de psicólogos, que estudam o papel de amigos e familiares na solução de problemas de um indivíduo, conclui-se que é extremamente vantajoso ter pessoas que estejam ao seu lado e que possam te ajudar a evoluir.

Nosso trabalho não deixa de fazer parte de grande parte da nossa vida, moldando nosso caráter e tomando muito tempo. Nesse ambiente, principalmente em papeis de liderança, precisamos estar espertos com possíveis problemas não apenas no âmbito trabalhista, mas também no social.

Estamos vivendo uma crise que chegou inesperadamente e virou nossa rotina de cabeça para baixo, escancarando problemas invisíveis e exigindo um posicionamento para que o impacto negativo seja menor. Acontece que grande parte desse problema, principalmente com a vinda do home office, se caracteriza pela falta de comunicação. Parece que nós conversamos mais a distância do que pessoalmente. Estranho, não?

Acontece que, uma das formas mais eficientes de passar por uma crise é com o apoio da equipe. Quando se está em um papel de líder, é preciso adotar um discurso inspirador, heróico – e sincero – e ser transparente sobre o momento da empresa, caixa e possíveis cenários, ressaltando os pontos fortes do grupo, justamente aqueles que serão decisivos para vencer esse jogo.

Nós acreditamos no poder de um bom exemplo. Um bom líder precisa se preocupar com as pessoas, em primeiro lugar, e com o caixa da empresa. Para isso, algumas dicas valiosas que melhoram a comunicação e estreitam as relações se resumem em: fornecer reuniões semanais para saber como o time está se saindo e repassar as principais informações; playbook dos passos a serem tomados durante os momentos de crise; um canal de comunicação direto com funcionários, sem hierarquia.

É preciso ter em mente que investidores não estão olhando curto prazo, eles estão construindo uma empresa de longo prazo. Sendo assim, os líderes precisam entender o cenário em que a empresa se encontra e tomar decisões rápidas se é necessário mudar ou não a estratégia. 

“A crise é real, eu reconheço o seu medo e acredito que podemos vencer juntos

Artigos Relacionados

Respostas

pt_BRPortuguese
en_USEnglish pt_BRPortuguese
Pular para a barra de ferramentas